Tempostepegoquedelícia na Mostra CultDance 2018

A Eduardo Severino Cia de Dança estará participando com o trabalho TEMPOSTEPEGOQUEDELÍCIA com os intérpretes Mônica Dantas e Luciano Tavares e direção/coreografia de Eduardo Severino e Elcio Rossini, na Mostra  “CultDance 2018” que irá acontecer de 6 a 13 de julho na cidade de Brasilia. Estaremos também ministrando oficinas e fazendo parte dos debates e vivências entre os artistaparticipantes. Abaixo maiores informações sobre o Festival.

https://www. facebook.com/cultdancebsb/

https://www. instagram.com/mostracultdance/

http://mostracultdance. com.br/

KIN_0554
Foto: Cristiano Prim

Em julho, a dança contemporânea vai ocupar o Distrito Federal

De 6 a 13 de julho, a CultDance 2018 — Mostra de Dança e Videodança ocupa o DF com espetáculos, oficinas, encontro de criaadores e exibições de videodança  — que incluem a participação de artistas do Brasil, da Argentina e da Europa.

O evento conta uma programação variada, que envolve também palestras, workshops, mesa de debate sobre o Mercado da Dança com especialistas da área e vivência de criadores em rodas de conversas — atividades que ocorrem em diversos espaços do DF.

A mostra é patrocinada pelo Fundo de apoio à Cultura, da Secretaria de Estado de Cultura do DF (FAC/DF).

As apresentações acontecem no Centro de Dança do Distrito Federal e são divididas em três categorias: as mostras Solos na Sala e Duos na Sala; e a Dança pra Tela, com exibição de videodança de diversas nacionalidades.

Encontro de Criadores e Residência Artística

Na Casa de Arte e Cultura Esquina Criativa, na Candangolândia, ocorrem as reuniões da Residência Artística, onde um grupo de criadores estará reunido para produzir videodança, a ser gravado nas ruas do DF; e as Conexões Artísticas (Encontro de Criadores), que vão oferecer aos dançarinos a oportunidade de compartilhar experiências e pesquisas.


Em julho, a dança contemporânea vai ocupar o Distrito Federal

De 6 a 13 de julho, a CultDance 2018 — Mostra de Dança e Videodança ocupa o DF com espetáculos, oficinas, encontro de criaadores e exibições de videodança  — que incluem a participação de artistas do Brasil, da Argentina e da Europa.

O evento conta uma programação variada, que envolve também palestras, workshops, mesa de debate sobre o Mercado da Dança com especialistas da área e vivência de criadores em rodas de conversas — atividades que ocorrem em diversos espaços do DF.

A mostra é patrocinada pelo Fundo de apoio à Cultura, da Secretaria de Estado de Cultura do DF (FAC/DF).

As apresentações acontecem no Centro de Dança do Distrito Federal e são divididas em três categorias: as mostras Solos na Sala e Duos na Sala; e a Dança pra Tela, com exibição de videodança de diversas nacionalidades.

Encontro de Criadores e Residência Artística

Na Casa de Arte e Cultura Esquina Criativa, na Candangolândia, ocorrem as reuniões da Residência Artística, onde um grupo de criadores estará reunido para produzir videodança, a ser gravado nas ruas do DF; e as Conexões Artísticas (Encontro de Criadores), que vão oferecer aos dançarinos a oportunidade de compartilhar experiências e pesquisas.


Ficha Técnica Cultdance 2018

Coordenação de programação e Diretora de Produção: Cleani Calazans

Curadoria e Programação: Laura Virgínia e Luísa Lemos

Produção Executiva: Jaqueline Calazans

Coordenador técnico: Marcelo Augusto Santana

Cenotécnico e Contra-regra: Hilton Gonçalves

Fotografia e assistente de produção: Nityama Macrini

Registro de Imagem: Dmitri Valença

Assessoria de Imprensa: Casa da Redação

Assessoria de Comunicação: Cristiano Torres Lima

Social Mídia: Camila Aguilleras

Design Gráfico: Erika Pacheco


PROGRAMAÇÃO CULTDANCE 2018

Dia 06 de julho – 20h

Centro de Dança do DF

Dança pra Tela 

Mostra Especial da Curadoria – Homenagem à FlakoRojas

“DesktopDoc”/ Filipe Marcena – PE– Brasil

“S”/ Coletivo Na Janela e Júlia Lüdke – PR– Brasil

Duos na Sala 

“Tempostepegoquedelícia”/ Cia Eduardo Severino /RS – Brasil


Dia 07 de julho

Centro de Dança do DF – 20h 

Dança pra Tela 

“Choro”/Leonardo Augusto/ MG– Brasil

 “O homem Banco”/ Cícero Fraga/ DF– Brasil

Solos na sala

“After Sinous Curves” / Korina Kordova / SP– Brasil

Duos na Sala

“Como escucha la Piel?”/ Argentina


Dia 08 de julho

Centro de Dança do DF – 20h

Dança pra Tela 

“Orgânica”/ Coletivo Provisórias/ MG – Brasil

 “Abs8-S3-x0, eixo monumental dos prazeres, saída sorte”/ Margaridas Cia de Dança/ DF – Brasil

Solos na Sala

“Tempo” / Letícia Rodrigues/ SP – Brasil

Duos na sala

“Uman” / Grupo SATS / RJ – Brasil


Dia 09 de julho

Centro de Dança do DF – 20h

Dança pra Tela 

“Cora”/Angela Mugnatto e Vanclea Porath/ DF– Brasil

 “Feira dos Penitentes” / Hugo Leonardo/ BA– Brasil

Solos na Sala 

“A Dama da Dor”/ Juana Miranda / DF – Brasil

 “Aurora”/ Eliana Carneiro / DF – Brasil


Dia 10 de julho

Centro de Dança do DF- 20h 

Dança pra tela 

“Quadrant”/ Marta Arjona/ Espanha

“Nitesência”/ Denise Matta/ SP– Brasil

“entre-olhares”/ Marilia Zamilian/ PR– Brasil

“Repeat Please”/ Lilian Graça/ BA– Brasil

Solos na Sala

“Sem Sal sem açúcar” / Moisés Ferreira/ RN – Brasil

“Frango” / Zé Reis / DF/PI – Brasil


Dia 11 de julho

Centro de Dança do DF– 20h

Dança pra Tela 

“Disseminar Contato – Estação”/ Pablo Peixoto/ DF– Brasil

“Anáfora”/ Clara Sales/ DF – Brasil

“Avulso”/ Gleysson Moreira/ GO – Brasil

“Solaris”/ Letícia Rodrigues/ SP– Brasil

“Silêncio e Som/ Eva Maria/ GO– Brasil

Solos na Sala

“Espessura da Imagem”/ Rosa Schrann / DF – Brasil

“Eólico” / Samuel Alvís / PI – Brasil


Dia 12 de julho

Centro de Dança do DF- 20h 

Dança pra tela

“Red Dirt Dreaming”/ Marta Renzi/ SP

“2 movimentos”/ Michel Schettert/ RJ

Solos na Sala 

“Cinzas ao solo” / Alexandre Américo / RN – Brasil


Dia 13 de julho

Centro de Dança do DF– 20h

Dança pra Tela

Exibição do videodança dos criadores da Residência Artística


Oficinas

Dia 06 de julho

APAED – Ceilândia Sul

de 9h/11h

Dia 09 de julho

Esquina Criativa – casa de arte e cultura – Candangolândia

de 14h/16h

Dia 10 de julho

Casa de Cultura do Guará – Guará – II

de 14h/16h

Dia 12 de julho

Espaço Imaginário Cultural – Samambaia Sul

de 14h/16h


Palestra – Entrever /rever: O Mapa Invisível com Paula Zacharias

Dia 12 de julho

Centro de dança do DF

de 19h/21h


Mesa de Debate

Dia 13 de julho

Centro de dança do DF

de 17h/20h


Anúncios

Videos Franceses / FrancedanseBrasil / 2016 na Sala 209

franse-danse-brasil2016

Dentro do Festival FrancedanseBrasil 2016 em parceria com Coletivo de Dança da Sala 209, Ufrgs/dança e Aliança Francesa/Porto Alegre será mostrado vídeos de Christian Rizzo – Éclats – 2014 com 60 min de duração no dia 9 de novembro e de Maguy Marin – Return sur Umwelt – 2006 com 50 minutos de duração no dia 16 de novembro.

Dia 9 – Christian Rizzo – Éclats / 2014 – 20h
Dia 16 – Maguy Marin – Return sur Umwelt / 2006 – 20h
Sala 209/Usina do Gasômetro.
Entrada franca.

Uma realização de CND – Centre National de la danse / Institut Français / France Danse Brasil – 2016 e AF Aliança Farncesa de Porto Alegre com apoio/parceria de Eduardo Severino Cia de Dança / Ufrgs/dança / Ânima Cia de Dança / Usina das Artes / Secretaria Municipal de Cultura.

Resultado do *Projeto de Residência Artística da sala 209 na Usina do Gasômetro/Usina das Artes

Foto: Frank Jeske
Foto: Frank Jeske

No dia 24 de janeiro, às 20:30, na sala 209 na Usina do Gasômetro, o público poderá conferir o resultado deuma residência artística plena de transformação e cooperações.

 
O projeto foi proposto por Nicole Fischer e tinha como objetivo a criação de Ímã, uma videodança, com a participação de Luiz André Cancian e Letícia Guimarães. Uma gestação bem mais complexa e envolvente do que a idéia inicial do projeto afastou Nicole do trabalho, deixando o casal de bailarinos com três pequenas danças provocadas pela proponente como parte da composição para vídeo.
 
A decisão de ir em frente e aceitar o desafio de um novo rumo gerou “Habita2”, um exercício cênico surgido dos inúmeros desdobramentos da proposta inicial, e que lida com a experiência de ser quando da vida repartida, muito de perto, com o outro.
 
De encontros e compartilhamento de outros projetos, surgiu a idéia de dividir o programa com Daggi Scherer Dornelles e Matheus Kleber que, há muito, desejamdialogar em movimento e som, trocando experiências para um futuro espetáculo.
 
E ainda, no programa, um momento improvisado, com a participação de todos.
 

Dança/coreografias – Letícia Guimarães, Luiz André Cancian e Daggi Scherer Dornelles.

Foto: Frank Jeske
Foto: Frank Jeske
Trilha/Sons de Matheus Kleber.
Fotografia – Frank Jeske.
 
Serviço:
 
Data: 24 de janeiro/domingo.
Hora: 20h:30min.
Local: sala 209/Usina do Gasômetro
Ingressos: R$ 10,00
 
Apoio – Eduardo Severino Cia de Dança, Ânima Cia de Dança, Usina das Artes, Usina do Gasômetro, Secretaria Municipal de Cultura e Prefeitura Municipal de Porto Alegre.
 
*O projeto de residência Artística da Sala 209 visa dar espaço para o desenvolvimento de processos em dança de artistas da cidade de Porto Alegre. Todos anos abrimos inscrições para artistas interessados  e um grupo de artistas do coletivo de artistas da Sala 209 selecionam uma proposta para ser desenvolvida a cada semestre, uma vez por semana em turno de quatro horas e mais espaço de dois finais de semana na sala para apresentação do resultado.

Foto: Frank Jeske
Foto: Frank Jeske